Diga não a Gordofobia

Leia mais

Sorteio de Réveillon

Leia mais

Papo de Amiga - Morar "sozinha"

Leia mais

19.8.13

Dia Mundial da Fotografia


Você sabia que hoje é o Dia Mundial da Fotografia? Pois é, o dia de hoje é dedicado a todos os fotógrafos espalhados pelo mundo. Para falar melhor sobre esta brava e sensível arte, contaremos a história de um dos maiores fotojornalistas brasileiros: Sebastião Salgado.



Sebastião Ribeiro Salgado é um fotógrafo brasileiro, nascido em Aimorés, Minas Gerais, em 1944. 
Sebastião é formado em economia e realiza doutorados nessa área. 
Durante o período entre 1971 e 1973, trabalhou para a Organização Internacional do Café, em Londres. 
Já, quando estava em uma viagem na África, onde coordenava um projeto sobre a cultura do café em angola, Sebastião decidiu tornar-se fotógrafo. 
Enquanto estava em Paris, documentou perturbados acontecimentos sociais e políticos na Europa e na África. 
Realizou viagens pela América Latina, entre 1977 e 1984, onde documentou as condições de vida dos camponeses e dos índios, que se encontram no livro Autres Ameriques, de 1986. 

Trabalhou por 15 meses com o grupo francês Médicos Sem Fronteiras, percorrendo a região do Sahel, na África, e registrando a devastação causada pela seca na década de 1980. 
Já entre 1986 e 1992, produziu a série Trabalhadores, em que documentou o trabalho manual e as árduas condições de vida dos trabalhadores em várias regiões do mundo. 
Em 1994, criou sua própria empresa: a Amazonas Imagens.


Seus principais livros são:



   



1º- Other Americas (Outras Américas, 1986), que trata das condições de vida dos camponeses latino-americanos;


2º- Sahel: L''Homme en Detresse (Sahel: o Homem em Agonia, 1986) que aborda a seca na região africana do Sahel;

3º- Trabalhadores (1993), sobre a mudança nas relações de produção do trabalho manual;
4º- Terra (1997), que mostra a pobreza e a questão agrária no Brasil.




Sebastião ganhou os seguintes prêmios:

- Prêmio Príncipe de Asturias das Artes (1998);
- Prêmio Eugene Smith de Fotografia Humanitária;
- Prêmio World Press Photo;
- The Maine Photographic Workshop ao melhor livro foto-documental;
- Eleito membro honorário da Academia Americana de Artes e Ciência' nos Estados Unidos;
- Prêmio pela publicação do livro Trabalhadores;
- Medalha de prata Art Directors Oub nos Estados Unidos;
- Prêmio Overseas Press Oub oí America;
- Alfred Eisenstaedt Award pela Magazine Photography;
- Prêmio Unesco categoria cultural no Brasil.

Seguem quatorze fotografias e suas respectivas legendas, selecionadas do livro Terra, de autoria do internacionalmente renomado Sebastião Salgado, considerado por muitos o melhor fotógrafo documental da atualidade: 




Migração Rural Para As Grandes Cidades 



Crianças Abandonadas Nas Instituições Estaduais 



A Luta Pela Terra: Crianças Às Margens Das Rodovias



A Luta Pela Terra: A Morte Espreita Eldorado De Carajás



A Luta Pela Terra: A Dor Da Mãe Do Jovem Oziel



A Luta Pela Terra: Um Massacre, Um Velório



A Luta Pela Terra: A Ocupação De Um Latifúndio



A Luta Pela Terra: O Começo De Um Acampamento



A Luta Pela Terra: O Começo De Um Acampamento


A Luta Pela Terra: A Vida Nos Assentamentos


A Luta Pela Terra: Os Ícones Da Vitória


A Luta Pela Terra: Uma Marcha Final


A Luta Pela Terra: A Marcha De Uma Coluna Humana 


A Luta Pela Terra: Uma Parada De Dor 

-x-

Então neste dia, não poderia deixar de parabenizar a todos os Fotógrafos, e dizer que a arte de vocês é a coisa mais linda do mundo, eu realmente sou apaixonada por fotografia! 

Parabéns a vocês que transformam pequenos momentos em grandes lembranças :)

DIA MUNDIAL DA FOTOGRAFIA, PARABÉNS !


0 Comments:

Postar um comentário

 
Posts Relacionados