Papo de amiga - Gordofobia

Leia mais

#Playlist da semana

Leia mais

Wishlist de Aniversário

Leia mais

17.2.16

Indicação de Filme: DEADPOOL

Hey Guys, como estão?
Já estamos no meio da semana mais uma vez e hoje eu vim "indicar" um filme 
M A R A V I L H O S O.
Fiquei horas tentando escrever uma critica bem elaborada que falasse T U D O que eu achei do filme mais juro que não consegui, então lendo outras criticas da internet achei uma que expressa exatamente o que eu senti quando assisti DEADPOOL.
A critica a seguir é do Blog Menino Literário, escrita por Davidson C. (Link lá embaixo)


Um dos melhores filmes que eu já assisti da MARVEL.

Título: Deadpool
Gênero: Ação, Aventura, Comédia (109 minutos)
Indicação: 16 anos
Lançamento: 11 de Fevereiro de 2016

Sinopse: Ex-militar e mercenário, Wade Wilson (Ryan Reynolds) é diagnosticado com câncer em estado terminal, porém encontra uma possibilidade de cura em uma sinistra experiência científica. Recuperado, com poderes e um incomum senso de humor, ele torna-se Deadpool e busca vingança contra o homem que destruiu sua vida.

Resenha: A Marvel e a DC no geral já trouxeram muitos filmes ótimos de heróis, mas vamos confessar que ás vezes você cansa de ver mais do mesmo né!


Por isso a Marvel apostou em Deadpool e para mim funcionou e muito para quebrar aquele formato de herói que estávamos acostumados a assistir (a DC também fez uma aposta nisso, Esquadrão Suicida está por vir). Foi um filme hilário, divertido, emocionante, e mais uma lista de adjetivos positivos.

Talvez muita violência e palavreados inapropriados, mas eles fizeram o que prometeram e trouxeram para nós. Em momento algum me senti constrangido na sala de cinema, talvez para quem tenha menos de 14 anos seja um pouco demais. 
Porque tem cena de sexo (quase a olho nu), e muita violência, tipo muito mesmo, cérebros voando, pessoas cortadas ao meio, e muito mais.


Não vou falar muito da história, primeiro porque já tem muita coisa na sinopse, e segundo é porque o filme não tem muita história. Conta basicamente sobre ele tentando se vingar do cara que transformou ele num "herói". Mas o porque de ele se tornar aquilo? Bem ele estava com câncer terminal e surgiu uma proposta muito tentadora de cura, ele aceitou e fizeram várias coisa com ele, transformando-o literalmente em um monstro.


O filme se resume basicamente a isso e duas batalhas (uma quase exibida totalmente no trailer), mas foi bom mesmo assim.
 Também temos vários flashbacks mostrando sua vida antes de ele se tornar o "herói", mostrando como ele era feliz com sua namorada e o que ele fazia, que assim como ele disse ele era um cara mau que procurava outros mais ruins que ele, um mercenário.

Um filme não tão longo que não vai agradar a todos, mas eles cumpriram tudo que prometeram e não tenho do que criticar sobre o filme em si. Uma mistura de heroísmo com humor (bem forte) que deu super certo, pelo menos para mim.

Os efeitos estão muito bem feitos e a forma como o filme é apresentado é espetacular, o Deadpool conversa com nós telespectadores, literalmente e isso nos tornou mais próximos com o herói.


Mas ai tenho que destacar um ponto negativo, a atuação dos personagens. 
Para mim (para ele e para mim também, risos) só Deadpool, sua namorada e a "velhinha cega" estavam bem situados. 
Os outros foram jogados no meio do filme com uma placa de "Foda-se, se vira para saber quem sou" e até agora ainda tenho rostos sem nomes rodopiando na minha mente. 
Muitas vezes ficava pensando se aquilo fazia parte da zoeira do filme, ou se o ator estava deslocado. Talvez quem leu as HQ´s se deu bem, mas para mim a atuação deixou a desejar.

Mas acima de tudo foi um bom filme, cumpriu minhas expectativas e me divertiu bastante.


Trailer


Minha nota: 
Vale muito a pena ir no cinema assistir, vocês, assim como eu, irão se apaixonar e dar muitas risadas com o Deadpool 

Nos acompanhe também:

0 Comments:

Postar um comentário

 
Posts Relacionados