Diga não a Gordofobia

Leia mais

Sorteio de Réveillon

Leia mais

Papo de Amiga - Morar "sozinha"

Leia mais

22.11.17

Papo de Amiga - Morar "sozinha"

Hey Guys, como estão?
Estou para escrever sobre a minha mudança a quase 3 meses, porém me faltou inspiração e vontade.
Mudanças são boas para crescer, me disse alguém... acho que to falhando significativamente nisso (risos).
Decidir se mudar, sair da casa dos nosso pais, deixar a nossa cidade podem ser decisões grandes e dolorosas (acredito que o que nós faz crescer é exatamente essa dor).
Pelo menos para mim essa mudança teve um grande e pesado significado.


Algumas pessoas podem me achar mimada por esta sendo tão dificil essa adaptação, e tudo bem, eu sou mesmo mimada, sempre fui a filhinha do papai mais para mim não há nada pior do que ficar longe de casa, longe dos meus pais, do meu quarto, da minha cidade.
Desde sempre eu falei que nunca iria sair de lá, sempre iria morar com os meus pais e nunca os deixaria sozinhos e na verdade a mudança foi bem impactante para mim quando teve que acontecer.
Imagina você morar 25 anos em um lugar onde você além de ter tudo, tem todos; Minha casa nunca esta vazia, sempre tem visitas e aqui no apartamento somos só nos 3 (vou chegar lá, pera), acabo sentindo falta de gente, de conversas, de nunca ter paz...
Engraçado como damos valor quando perdemos as coisas né?
E é aquele negocio, a casa dos nossos pais sempre vai ser a nossa casa.

Em nenhuma das minhas metas de 2017 se encontrava "mudar" e quando a decisão foi tomada foi um grande impacto.
Quando você esta na empolgação das coisas acontecerem você fecha os olhos e perde coisas importantes.
Quando me mudei a quase 3 meses vim morar com o meu noivo e mais dois amigos, uma dessas pessoas se mostrou terrivelmente ardilosa, houveram muitas brigas e desentendimentos até que ela saiu (-1), graças ao bom Deus ficamos nós 3 e mesmo assim eu digo para vocês que a convivência não é nada facil, então quando forem tomar uma decisão assim, cuidado!

(dia em que rolou a primeira faxina no apto, primeira foto no apto, o dia em que peguei a chave)

Morar "sozinho" traz suas responsabilidades, você aprende que a comida não aparece no armário sozinha, que o banheiro/cozinha/quarto não está sempre brilhando se você não limpar, você aprende que você vai sim ver sujeira onde não tem e que receber visitas pode não ser tão legal assim, que você tem luz, aluguel, condomínio, gás para pagar e que você não pode atrasar essas coisas, você aprende que ser adulto não é tão divertido assim...
Que na verdade, ser adulto é um saco!

Não espere café na cama ou longos fins de semana de Netflix porque na verdade eles não acontecem igual nos filmes.

Desculpa te desanimar mais morar "sozinho" pode ser bem solitário.



Confira também o último post do quadro "Papo de Amiga" sobre Gordofobia.

Nós acompanhe também:

0 Comments:

Postar um comentário

 
Posts Relacionados