16.10.18

Dia do Professor

Oi, oi, oi, como vai você?
Eu to me recuperando de um mau jeito que eu dei, a base de remédios e tentando repousar, 
ontem, 15 de Outubro, foi o Dia dos Professores, eu sou professora por formação e quem sabe, ainda exerça a profissão um dia.


A pesar da desvalorização que ocorre em nosso país, a profissão é linda e extremamente necessária, pois, todos os profissionais e seres humanos precisam de alguém que nos ensine, que dedique seu tempo, sua vida a nos tornar melhores, mais sábios.
Parabéns a todos os professores, formados ou não, que exercem ou não, que nos ensinam o que sabem a cada dia. 

(Não importa o que todo mundo diga, palavras e ideias podem mudar o mundo)

Trouxe um texto incrível do Jô Soares para falar disso, ele define o que é ser professor: 

O material escolar mais barato que existe na praça é o professor.
É jovem, não tem experiência.
É velho, está superado
Não tem automóvel, é um pobre coitado.
Tem automóvel, chora de “barriga cheia”.
Fala em voz alta, vive gritando.
Fala em tom normal, ninguém escuta.
Não falta à escola, é um “Adesivo”.
Precisa faltar, é um “turista”.
Conversa com os outros professores, está “malhando” nos alunos.
Não conversa, é um desligado.
Dá muita matéria, não tem dó.
Dá pouca matéria, não prepara os alunos.
Brinca com a turma, é metido a engraçado.
Não brinca com a turma, é um chato.
Chama a atenção, é um grosso.
Não chama a atenção, não se sabe impor.
A prova é longa, não dá tempo.
A prova é curta, tira as hipóteses do aluno.
Escreve pouco, não explica.
Explica muito, o caderno não tem nada.
Fala corretamente, ninguém entende.
Fala a “língua” do aluno, não tem vocabulário.
Exige, é rude.
Elogia, é parvo.
O aluno é retido, é perseguição.
O aluno é aprovado, deitou “água-benta”.
É! O professor está sempre errado, mas se conseguiu ler até aqui, agradeça-lhe a ele.


Parabéns e obrigada a todos os professores que passaram por minha vida e aos que ainda virão!
Beijos de luz, até o próximo post!!!



Nós acompanhe também:



Nenhum comentário:

Postar um comentário