1.8.19

A vida é uma merda! ou Ter um Hobbie!


Oi, oi, oi, como vai você?
Eu estou “passeando” pelo Paraná, e hoje vim falar algo sério com vocês!
A VIDA É UMA MERDA! Principalmente a vida adulta. A vida é difícil, complicada e parece que sempre piora. (Nunca desafie a vida, nem diga ou pense “to na merda, não dá pra piorar” piora, sempre piora, a vida acha que isso é um desafio e piora, só pra te prova que você está errado!!!)

(Você chama isso de vida?)

Ai você pergunta, eita Fran, calma, o que aconteceu?
Na verdade tudo e nada, rsrs
Tô falando isso por vários motivos, então vamos com calma.
Primeiramente, vamos esclarecer uma coisa que acho bem importante: FELICIDADE não é um estado permanente (como ser adulto, ou ser homem/mulher, loira, morena, enfim), felicidade são momentos, assim como a dor, a tristeza, a angustia. Emoções são momentâneas, então não espere o feliz pra sempre,  nem ser feliz no final, até porque você é um ser vivo, completo e incrível, ser feliz só no final vai demorar e não basta.

Agora que definimos isso, voltamos ao tópico principal, a vida é uma merda!
Você trabalha cerca de 20 dias por mês ou mais (tirando finais de semana e tal), pra receber um salário X, que normalmente vem no 5º dia útil, ai quando você recebe seu dinheiro suado e sofrido (alguns mais sofridos que outros, mas falo em geral, de quem trabalha de carteira assinada, ganha a média nacional), você tem que pagar as contas (luz, água, internet, aluguel, parcela disso ou daquilo, mensalidade de alguma coisa), as contas variam de pessoa pra pessoa, mas elas estão ali pra você pagar, e sobra Y do seu salário, que você precisa comer, se locomover, sair, além de tentar guardar pra imprevistos (remédios, alguma coisa que quebra ou sei lá). Em geral, pelo dia 20 ou 25 do mês, você já ta quase zerado de grama (ou está completamente falido) mais ainda falta mês até você receber de novo.

Algumas pessoas tem vale, ou cartão, ou pedem emprestado do amigo, mãe, parente, vizinho, sei lá, algumas pessoas se viram nos trinta e dão um jeito. Isso é cansativo, isso é uma merda, tudo que a gente ganha, não é suficiente pra gente viver bem e infelizmente nem sempre tem muito o que fazer, afinal nem todo mundo tem idéias criativas pra empreender ou um salário alto ou um jeito de fazer grana extra.
A gente se estressa, a gente cansa, a gente fica p**a da vida, mas a gente continua, porque não tem outra jeito.

Tá Fran, to depre agora, vai continuar assim?

(Todo mundo tem um hobbie, certo?)

Não, agora vou falar de uma coisa que ajuda, ter um hobbie, um escape, alguma coisa que te ajude à aguentar os dias. Tem gente que faz academia, caminhada, lutas, dança, cursos, tem gente que canta, que pinta, que costura, que borda, faz crochê, tricô, tem gente que maratona série, que bebe, que come, que faz teatro, artesanato, fotografia, que toca ou aprende um instrumento musical novo, tem de tudo. Tem gente que faz várias coisas, tem gente que varia, cada dia faz uma coisa. Mas o importante é ter algo pra fazer, algo pra focar, algo pra aliviar.

Comecei, meio recentemente, a pintar (mandalas e livros de colorir) além de ler e escrever. Encontre algo que te faça bem, que te ajude a pensar em vários nadas e te acalme, se dedique a isso, seja meia hora por dia ou duas horas, ou quanto tempo der. Mas dedique um tempo a você. A vida é uma merda, mas você é incrível e merece um tempo pra você, se apaixone por algo (pode ser algo diferente toda semana, todo mês, ou sei lá), mas você merece isso, se dê esse presente, essa satisfação. Isso vai ajudar a sua qualidade de vida e vai fazer a vida ficar menos bosta.


Beijos de luz, tenha dais incríveis, se ame, beba água, destrua o patriarcado, mande gente cuzona a merda e seja feliz!
Até o próximo post!



Nós acompanhe também:


.

Nenhum comentário:

Postar um comentário